Branding, a essência de uma marca

personal-branding-discovery-1940x1290Muito se fala sobre como algumas marcas têm alma, personalidade própria, arrebatam paixões e fãs pelo mundo inteiro.

Porque será que a Coca Cola é tão admirada e conhecida no mundo inteiro, porque uma Ferrari é tão cobiçada, ou porque aNike  tem uma “tribo”?. Estratégia de marketing bem-sucedida? Boa distribuição? Excelentes produtos? Sim, tudo isso e muito mais… Elas têm identidade, algo que as destaca da multidão, que faz com que elas sejam reconhecidas e valorizadas como marcas diferenciadas. Gosto de dizer que elas têm uma essência que as define, e é disso que trata o Branding.

O Branding busca entender como estas marcas que chegaram ao topo se diferenciam, o que faz com que pessoas comprem seus produtos, recomendem a seus amigos, criem comunidades e blogs em torno delas. Pode ser uma forte característica de inovação, como o Google, ou uma “experiência única” como os ambientes acolhedores e funcionais criados pela Starbucks, ou um design fantástico como a Apple e seu Ipod. Mas não é só isso…se fosse, o mundo seria muito mais simples…

Todas estas marcas têm uma característica forte de diferenciação, mas também têm excelência na sua qualidade, distribuição eficiente, comunicação adequada a seu público, ou seja, tudo o que qualquer empresa que busque o sucesso deve ter. Mas estas empresas acharam seu “espaço único” no mercado, ao invés de fazer guerras de preço e tecnologia.

Não é fácil, mas estamos na era da informação, qualquer marca que busque o sucesso deve procurar a sua essência, aquilo que vá fazer com que consumidores usem camisetas com sua marca, comunidades e blogs do tipo “Eu amo SUA MARCA”, etc, e é disto que trata o Branding (veja mais sobre Branding aqui).

Fonte: MKT&Inovação



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *